Logo RM Farma_RM Farma - Quadrado
Gestão de estoque em uma farmácia

Sumário

Gestão de Estoque em Farmácias: O Caminho para Aumentar seu Lucro

Introdução

A gestão de estoque tem um papel muito importante no sucesso da sua farmácia, além de estar diretamente ligado a saúde financeira da sua empresa.

 

Não se trata apenas de manter as prateleiras bem abastecidas, mas também de garantir que os produtos certos estejam disponíveis no momento certo, evitando excessos ou faltas que possam afetar a lucratividade.

 

Por isso, preparamos este conteúdo que vai explorar o que é gestão de estoque, como implementar práticas eficientes e a importância da curva ABC neste processo.

 

A Gestão de Estoque e o Ciclo de Sucesso da sua Farmácia

Em essência, envolve o controle de entrada e saída de produtos de uma farmácia. Isso inclui monitorar a quantidade de medicamentos e outros itens, antecipar a demanda para evitar a falta ou excesso de produtos. Por isso, ter práticas eficientes de gestão de estoque é fundamental para o sucesso de uma farmácia.

 

Manter um olhar atento ao seu estoque também permite que você entenda exatamente o que seus consumidores demandam e isso inicia um ciclo de sucesso:

 

Entender o que seu cliente quer ➡️ Comprar certo, na quantidade certa, na hora certa ➡️ Vender exatamente o que o cliente quer ➡️ Atrair mais clientes com ofertas completas ➡️ Aumentar a lucratividade

 

E, para atingir esse ciclo, é necessário utilizar práticas eficientes e esse será nosso próximo tópico, vamos lá?

 

Práticas Eficientes

Implementar práticas eficientes de gestão de estoque começa com o entendimento claro do que você tem e do que precisa. Isso significa manter registros atualizados do estoque, utilizar a curva ABC como indicador e usar ferramentas de previsão para demandas futuras.

 

Como também é essencial ter um processo eficiente e detalhado de análise do que está dentro do seu estoque. A seguir, listamos um método e ferramenta que podem te auxiliar nisso:

 

Curva ABC

A curva ABC é uma técnica que classifica os produtos em três categorias, A, B e C, de acordo com seu valor e importância para a empresa (em relação à demanda do cliente). Os benefícios desse método são reduzir custos de armazenamento, economizar tempo de gestão e direcioná-lo para comprar os produtos que realmente trazem lucro para sua farmácia.

 

Para entender melhor:

  • Categoria A: São os mais valiosos. correspondem a 20% do seu estoque e representam 80% do seu faturamento
  • Categoria B: Possuem um valor moderado. Equivalem a 30% dos produtos do seu estoque e 15% do faturamento.
  • Categoria C: São os de menos valiosos. Representam 50% do estoque, mas apenas 5% do faturamento.

Logo, esse método permite que você se concentre nos produtos que trazem o maior retorno, garantindo que eles nunca fiquem em falta. Ao mesmo tempo, ajuda a evitar o excesso de produtos menos importantes que podem segurar seu dinheiro e ocupar um espaço valioso, onde você poderia expor produtos que vão render mais.

 

RM SaaS

Compreendendo a importância de um estoque bem gerenciado, criamos a plataforma RM SaaS que, entre suas diversas funções, possui:

 

  • Uma lista dos produtos mais vendidos na sua região, permitindo que você compre exatamente o que o cliente deseja.
  • A Curva ABC, que ajuda a comprar o que é mais valioso para o seu negócio.
  • Indicadores valiosos para monitorar seu estoque e auxiliar em uma tomada de decisão assertiva.
  • E muito mais.

Descubra como essa solução pode te ajudar a levar sua farmácia ao próximo nível de faturamento, acabando com produto parado no estoque. Afinal, produto parado é dinheiro parado.

 

Conclusão

Logo, a gestão eficiente de estoque é super importante para o sucesso da sua farmácia. Ao implementar práticas eficientes e usar ferramentas como curva ABC e RM SaaS, você manterá o equilíbrio certo de produtos, evitando excessos e faltas, aumentando a lucratividade e garantindo que seus clientes sempre encontrem o que precisam.

 

Em resumo, tudo dentro de uma farmácia está conectado. É necessário possuir bons indicadores, uma gestão de estoque a eficiente, além de boas condições comerciais para adquirir a baixo custo os produtos desejados pelos clientes, aumentando assim o faturamento e a lucratividade.

 

Lembre-se, uma farmácia bem abastecida é uma farmácia bem-sucedida.